CONHEÇA A NOSSA TRAJETÓRIA   E ÚLTIMOS TRABALHOS 

 #AQUITEMPATUÁ 

A Patuá traz em sua bagagem quase duas décadas de experiência no universo da comunicação e cultura em Minas Gerais. Partindo do centro irradiador de Belo Horizonte, onde já realizamos inúmeros projetos e eventos culturais e artísticos, entramos agora em nova fase com a expansão de nossas atividades para outros pólos, como o Sul de Minas, região reconhecidamente fértil em manifestações e potências culturais.

Um dos aprendizados mais relevantes que nos acompanham até hoje é nossa capacidade de construir parcerias. Com isso, conquistamos a confiança de grandes apoiadores da cultura como Usiminas, Instituto Unimed, VLI, BDMG e Vale, entre outros. Da mesma forma, conquistamos empresas parceiras que hoje trabalham ao nosso lado, a Coreto Cultural e o Instituto Periférico, este uma das mais bem sucedidas OSCs (Organização da Sociedade Civil) da atualidade em Minas Gerais.

É com esta força de trabalho que acabamos de chegar. Muito prazer, Sul de Minas. Agora #aquitempatuá.

VIRADABH2022-PalcoDaEstacao-Renegado-Foto-Flavio-Tavares-Instituto-Periferico-006.jpg

VIRADA CULTURAL DE BELO HORIZONTE 2022

 comunicação 

set 2022 

A 7ª edição da Virada Cultural, realizada nos dias 3 e 4 de setembro de 2022, reuniu cerca de 300 mil pessoas durante as 24 horas de programação, marcando a volta às ruas do Festival após dois anos suspenso pela Pandemia. A população compareceu em massa e circulou pelo hipercentro da capital mineira com bastante segurança.

 

A edição fez jus ao tema “É Virada e Misturada, a gente junto é mais feliz”, com a cidade abraçando a proposta do evento e a diversidade da programação. Os mais variados nichos de público conviveram pacificamente e a Virada Cultural foi palco para verdadeiros momentos de comunhão com o hipercentro. De rock e hip hop no Viaduto Santa Tereza, às grandes festas e shows na Praça da Estação e aos encontros em família no Parque Municipal, com presença também de crianças e idosos.

E mais uma vez a Patuá carimbou o passaporte na Virada, atuando desde a primeira edição, em 2013, integrando a equipe de comunicação do festival.

arraial.jpg

 ARRAIAL DE BELO 
HORIZONTE 2022 

 comunicação 

 jul e ago 2022 

Foram sete dias de Arraial de Belo Horizonte, com apresentação de cerca de 70 quadrilhas. Muitos dias de programação gratuita com o melhor da cultura junina, proporcionando uma experiência completa com música, dança e gastronomia típicas. E mais uma vez, junto com o Instituto Periférico, a Patuá cuidou de toda a comunicação visual e digital e projeto cenográfico do Arraial de Belo Horizonte.

CIRCUITO DE CULTURA NO
INTERIOR

coordenação de produção

 abr • ago 2022 

A oitava edição do projeto Circuito de Cultura no Interior vai começar! A iniciativa realizada nos meses de maio e junho possibilita a continuidade e a ampliação da democratização e interiorização das atividades artísticas, de artes cênicas e brincantes, em três municípios mineiros: Ipatinga, Itatiaiuçu e, pela primeira vez, em Santa Luzia. O projeto é patrocinado pela Usiminas por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais, com produção da Patuá.

 

Com oficinas, contação de histórias, teatro, exibições de filmes, a programação gratuita chega para alunos da rede pública de ensino e para toda a família em comunidades desses municípios. Em mais uma edição, o Circuito mantém seu compromisso de promover o desenvolvimento, a socialização e a troca de experiências, oferecendo acesso à arte e à cultura em suas variadas manifestações.

 PAMPULHA TERRITÓRIO   MUSEUS

 comunicação 

 dez 2020 •jul 2022 

Realizado pelo Instituto Periférico e a Prefeitura de Belo Horizonte o “Pampulha Território Museus” reforça a integração das três unidades museais presentes na orla da Lagoa da Pampulha e seu território: o Museu de Arte da Pampulha – MAP, a Casa do Baile e o Museu Casa Kubitschek, destacando sua atuação na cidade. A iniciativa traz uma série de atividades voltadas para a valorização da arte, design, arquitetura, urbanismo e paisagismo. A Patuá é responsável pela comunicação do projeto e plataforma digital.

A ilustração mostra pernas negras, com acessórios, dançando, a com folhas num fundo colorido

FESTIVAL DE ARTE NEGRA

plataforma digital

04 a 12 dez 2021

Realizado pelo Centro de Intercâmbio e Referência Cultural (CIRC) junto a Prefeitura de Belo Horizonte a décima primeira edição do Festival de Arte Negra de Belo Horizonte, o FAN BH 2021, aconteceu entre os dias 4 e 12 de dezembro. Foi um grande encontro de celebração da arte e cultura negra, com atrações para o público de todas as idades e toda sua programação gratuita.

Durante nove dias, o FAN BH 2021 promoveu o compartilhamento de experiências e saberes, criações coletivas, espetáculos, instalações, exibições e shows para a população, em diferentes espaços, observando todos os protocolos de combate à covid-19 vigentes em Belo Horizonte. Uma festa para todas e para todos, promovendo a cultura negra em muitas das suas vertentes, valorizando a diversidade, a criatividade e a igualdade racial. E a Patuá também deu sua colaboração sendo responsável pela plataforma digital do evento.

Identidade visual da Virada CUltural de BH, escrito Cultura Vibra, Viva Vira

VIRADA CULTURAL DE BH

comunicação e
plataforma digital

16 e 17 de out de 2021

A Virada Cultural de Belo Horizonte 2021 viveu, vibrou e virou com a população em uma imersão em 24 horas de programação on-line e gratuita em 16 e 17 de outubro de 2021.

A primeira edição on-line da Virada Cultural reacendeu sentimentos e conexões, fortalecendo as energias da economia cultural da cidade e trazendo ainda mais vida e atividade para um setor inteiro, que sempre foi pulsante: foram mais de 2,3 mil pessoas trabalhando para realizar o festival.

Ultrapassando 200 horas de programação, o evento teve 330 atrações de diversas áreas artísticas e culturais: música, intervenções e instalações urbanas, cultura popular, gastronomia, teatro, dança, circo, artes visuais, moda e design, bem-estar e saúde, cinema, literatura, feiras digitais e outras.

A Virada Cultural de Belo Horizonte 2021 foi realizada pelo Instituto Periférico e a Prefeitura de Belo Horizonte. A Patuá participa desde a primeira edição da Virada em 2013 e a cada ano vem um grande desafio, o deste ano foi a virtualidade. 

Um desenho de uma árvore que tem vários livros coloridos no lugar das folhas, e uma pessoa lendo

FESTIVAL LITERÁRIO
INTERNACIONAL DE BH

comunicação e
plataforma digital

10 a 20 de ago de 2021

Realizado a cada dois anos, o Festival oferece atividades diversas para a valorização da literatura, contemplando públicos distintos e abarcando as cadeias criativas, produtivas, formativas e de promoção do acesso ao livro e à leitura.

Toda a programação — desta vez totalmente virtual — foi guiada a partir do site oficial do festival, com as principais transmissões via YouTube e Zoom.

Em 11 dias de programação, foram mais de 83 horas de conteúdo exclusivo — dentre as quais 55 horas seguem disponíveis para visualização —, 201 conteúdos, mais de 18 mil visualizações de lançamentos de livros, mesas de debate, entrevistas, rodas e clubes de leitura, narração de histórias, saraus, performances de ilustração, oficinas e mostras de cinema.

O festival e realizado pelo Instituto Periférico e Prefeitura de BH, e plataforma que compilou todas estas atividades foi criada e organizada pela Patuá.

Foto aérea do Morro das Pedras em BH

SOMOS COMUNIDADE

comunicação e
plataforma digital

set 2020 a out 2021

Criado e patrocinado pelo Instituto Unimed-BH, Somos Comunidade é mais que um projeto sociocultural, é um descobridor de caminhos, um realizador de sonhos de crianças e jovens das 7 vilas do Aglomerado Morro das Pedras, em Belo Horizonte, onde a Dança e a Música se transformam em plataformas de crescimento pessoal e engajamento na sociedade, através do Projeto Escola de Artes Instituto Unimed-BH.

A vivência da arte é um exercício contínuo de criatividade e superação. Com arte aprendemos a ver um horizonte aberto onde antes se via apenas um muro, fazemos do dia a dia plataformas de futuro. Somos Comunidade é isso, um movimento contínuo de inspiração, uma potência coletiva em movimento, capaz de transformar realidades, não só no Aglomerado Morro das Pedras, mas em outras comunidades que também ousem sonhar para inovar e crescer.